O Que É?
O Fundo Paroquial resulta da contribuição regular dos paroquianos e é absolutamente necessário ao bom funcionamento da comunidade. Este fundo destina-se a fazer face às despesas correntes da Paróquia, nomeadamente: gastos com o culto divino, com a formação Cristã, com o pagamento de salários e encargos sociais dos funcionários da Paroquia, com a manutenção corrente (água, luz, comunicações, etc.), com a gestão dos bens da Paróquia (restauro e conservação da Igreja e residência Paroquial) e com a emergência social.
A gestão económica da Paróquia, onde crianças, jovens, adultos e idosos, são acolhidos no seu viver, assenta neste contributo paroquial.

Como Contribuir?

Para contribuir para o Fundo Paroquial basta inscrever-se, dirigindo-se ao cartório. Cada um contribui de acordo com as suas possibilidades.
A sua contribuição pode ser feita de uma só vez ou em várias frações através de qualquer dos seguintes meios:

Transferência Bancária:

IBAN

PT50 0018 0003 2237679 2020 89 – Santander Totta (Fábrica da Igreja de São Pedro e São João do Estoril);

Diretamente no Cartório, em dinheiro ou cheque, colocado em envelope identificado (indicando tratar-se de contributo para o Fundo Paroquial)

Posso Obter Comprovativo?
Sim. Em Janeiro de cada ano, a Paróquia emite os comprovativos relativos aos donativos do ano anterior. Para o efeito, indique o seu número de contribuinte e receberá a declaração para efeitos de IRS.

Quem Deve Prover às Necessidades da Igreja?
Segundo o Código de Direito Canónico, can. 222, § 1: “Os fiéis têm obrigação de prover às necessidades da Igreja, de forma que ela possa dispor do necessário para o culto divino, para as obras de apostolado e de caridade, e para a honesta sustentação dos seus ministros”. Esta mesma obrigação vem inscrita no Catecismo da Igreja Católica, n. 2043

Contributo Paroquial
É uma forma prática de cumprir o que a Igreja manda. Não são necessários fiscais… Basta-nos a fé donde nos vem esta consciência de que aquilo que possuímos são dons que Deus nos confiou para administrar e partilhar com sabedoria e generosidade. O contributo paroquial é um gesto de gratidão de quem reconhece a magnanimidade de Deus. Um gesto que atrai sempre uma chuva de Bênçãos!

Com Quanto Devo Contribuir?
O correspondente a um dia de rendimento do seu agregado familiar (0.3%), aproximadamente. Ou mais… ou menos! A sua generosidade estabelecerá o limite da sua oferta.

O SEU CONTRIBUTO É MUITO IMPORTANTE!