A Eucaristia é o centro e a fonte de toda a vida cristã (cf. LG 11). Para ela converge toda a vida e acção da Igreja, dela partem todas as nossas iniciativas para a transformação do mundo.

Nela se cumpre a missão confiada aos apóstolos por Jesus, na vigília da sua Paixão: “Fazei isto em memória de Mim”. Por isso a nossa celebração está fundada no memorial da última Ceia de Jesus.

«Com efeito, eu mesmo recebi do Senhor o que vos transmiti: na noite em que foi entregue, o Senhor Jesus tomou o pão e, depois de dar graças, partiu-o e disse: “Isto é o meu corpo, que será entregue por vós; fazei isto em memória de Mim”. Do mesmo modo, depois da Ceia, tomou também o cálice, dizendo: “Este cálice é a nova Aliança no meu sangue; todas as vezes que dele beberdes, fazei-o em memória de Mim”.» (1Cor 11,23-25)